Postagens

Mostrando postagens de Agosto 2, 2017

O filho uruguaio, de Olivier Peyon

Imagem
Por Pedro Fernandes


Este é um drama sobre uma mãe que, muitos anos depois, decide buscar o filho que lhe foi tirado quando de um doloroso divórcio. Mas é ainda uma viagem existencial de todos os envolvidos nesse drama: a mãe Sylvie, o assistente social Mehdi, María, tia e quem faz as vezes de mãe para o pequeno Felipe e a avó, Norma. É também uma exposição sobre o quanto uma mentira é capaz de ruir com as esperanças e os sonhos das pessoas. E Olivier alinhava tão bem as revelações que pouco a pouco dão forma e tessitura à narrativa que finda capaz de mexer com uma dose diversa de sentimentos do expectador. É impossível ver este filme sem um nó na garganta e ficar preso ao impasse que ora advoga em favor das dores da mãe, ora em favor da avó e da tia, ora mesmo no turbilhão de sentimentos diversos que deve cruzar pela cabeça da criança quando tem revelado o duplo interesse dos que estão ao seu redor: avó e tia a esconder a verdade sobre a mãe e o pai do garoto e a atitude impensada do …